:: Literatura sobre sexualidade e erotismo para mentes curiosas e libertinas ::

saldos-billboard

Sugestão da semana

Clicar na imagem para comprar.

Amor Natural
de Carlos Drummond de Andrade

SINOPSE
Os poemas eróticos de Carlos Drummond de Andrade são odes à vida, à Humanidade, e, acima de tudo, à vitória do amor sobre a morte. Vinte e quatro anos depois do acontecimento literário e cultural que foi a publicação de Amor Natural, a Companhia das Letras celebra o poeta e a vida que cantou com a publicação de uma edição especial com um caderno de imagens inédito.

Sugestão da semana

Clicar na imagem para comprar.

Lolita
de Vladimir Nabokov

SINOPSE
Humbert Humbert é um professor de meia-idade e Lolita, a filha da sua senhoria, é uma jovenzinha de doze anos perturbadoramente bela e provocante. Com estes elementos foi contruída a história da obsessão amorosa mais famosa do século XX, um apaixonante romance de amor que abala todas as consciências ao destapar a poderosa e «perversa» atracção que podem exercer as denominadas «ninfitas». Este itinerário desenfreado pelas estradas da loucura e da morte, que mergulha nas paixões humanas até as levar ao extremo, é também um retrato devastador dos Estados Unidos de meados dos anos cinquenta, com os seus horrores suburbanos e a sua triunfante subcultura.

Sugestão da semana

Clicar na imagem para comprar.

O Sexo da Música
As surpreendentes ligações entre música e sexualidade
de Etienne Liebig

SINOPSE
Partindo das ligações fisiológicas entre o prazer sexual e o prazer de ouvir música, esta obra aborda, de um ponto de vista antropológico e histórico, aquilo que, em todas as épocas e em todas as latitudes, fez com que a música e o sexo se cruzassem: a música das heteras romanas, as melopeias das gueixas, as composições do romantismo alemão ou das bandas pop da década de 1970. Por último, o autor revela o que une a música e a sexualidade nas representações artísticas e culturais: da pintura chinesa à banda desenhada, passando pelas influências da música e do sexo sobre a literatura e a arte cénica, das danças da Antiguidade à cultura hip hop.

Clicar na imagem para comprar.

(In)Fidelidade
Repensar o Amor e as Relações
de Esther Perel

SINOPSE
Uma infidelidade pode destruir uma relação, a felicidade de um casal, a sua identidade. E, contudo, pouco sabemos acerca deste tabu intemporal, globalmente censurado, globalmente praticado por homens e mulheres de todos os credos e orientações sexuais.
Porque é que as pessoas traem – até em casamentos felizes? Porque é que dói tanto? E o que significa «infidelidade» para cada um de nós? Existirão casamentos à prova de traição? É possível amar mais do que uma pessoa ao mesmo tempo? E será que um caso pode ser bom para um casamento?
Enriquecido com histórias reais da prática terapêutica da autora, acompanhadas por uma análise psicológica e cultural incisiva e inteligente, este é um livro envolvente, que não vai conseguir pousar.

Clicar na imagem para comprar.

The Game
de Neil Strauss

SINOPSE
Neil era um homem cuja vida sob todos os pontos de vista, incluindo o amoroso e o sexual, não tinha qualquer relevância. Um dia descobriu na internet um site onde homens de todo o mundo partilhavam as suas dicas sobre os métodos para conquistar mulheres e, através dele, decide inscrever-se num workshop. De um momento para o outro, toda a sua perspectiva sobre as relações se viu transformada e agora é a sua vez de partilhar com os leitores as descobertas que fez na sua nova encarnação de macho alfa. Os segredos da arte da sedução poderão deixar alguns homens cépticos e algumas mulheres indignadas, mas não deixarão ninguém indiferente.

Clicar na imagem para comprar.

O Meu Pipi
de Anónimo

SINOPSE
Quase 15 anos depois, o infame regresso do diário de “O meu Pipi”!
Edição de luxúria, com alguns textos inéditos. Com 35 mil exemplares vendidos e depois de se ter transformado num dos maiores fenómenos mediáticos da literatura portuguesa, o Pipi mais famoso do país volta a disponibilizar a sua obra inaugural, há muito esgotada, com todos os seus famosos afodismos e pastiches de escritores, como José Saramago ou António Lobo Antunes. Transitou de blogue para livro, só escreve para maiores de 18, já publicou os seus Sermões (Tinta-da-china, 2011), mas Pipi continua a ser recatado e do lar. A identidade do autor continua a ser um dos segredos mais bem guardados da literatura nacional. Pipi já foi confundido com Miguel Esteves Cardoso, Rui Zink, José Vilhena, Ricardo Araújo Pereira e Pedro Mexia, mas o mistério permanece.

Clicar na imagem para comprar.

Exaltação do Prazer
Antologia Poética Portuguesa – Erótica, Burlesca e Satírica do Século XVIII
de Domingos Lobo

SINOPSE
Os poetas portugueses nascidos na segunda metade do século XVIII, contribuíram, com a sua torrente criativa, para libertar a nossa Literatura dos formalismos tolhedores que pareciam querer perpetuá-la nos limbos da Idade Média. Sofrendo benéficas influências do Iluminismo e dos ideais libertários da Revolução Francesa, a nossa poesia do século XVIII vai, finalmente, acertar o passo com o seu tempo e seguir, fulgurante e descomplexada, pelo século XIX. Os autores deste período fecundíssimo, expõem-se discursiva e dialecticamente, produzindo um humor exuberante e mordaz sobre o mais interdito dos temas: o prazer, o corpo e o desejo. A linguagem assume, sem rebuços, o gozo do absoluto transgressor. A moral e as convenções épocais são pelejadas com mestria pela soberba e, por vezes, genial capacidade criativa de alguns dos autores presentes nesta Antologia. Poetas como Bocage, Filinto Elísio, Nicolau Tolentino, António Lobo de Carvalho, Caetano José da Silva Souto-Maior e outros, anunciam já o pré-romantismo de Garrett e uma torrencial imaginística que transporta já laivos surreais.

Clicar na imagem para comprar.

Período
de Patrícia Lemos; Ilustração: Mafalda Fernandes

SINOPSE
Um guia descomplicado e divertido, com explicações e histórias, para que percebas que o período não é nada mais nem menos do que o teu corpo a crescer.

A autora é educadora para a saúde menstrual e fertilidade, e fundadora do Círculo Perfeito.

Clicar na imagem para comprar.

O Paradoxo Sexual
de Susan Pinker

SINOPSE
Em O Paradoxo Sexual, a psicóloga Susan Pinker analisa minuciosamente as mais recentes descobertas científicas das diferenças entre os sexos. Compara, através de testes e análises de personalidades realizadas a grupos de crianças e jovens em idade escolar de diversos estratos sociais, os problemas existentes e conclui quem mais tarde terá hipóteses de alcançar carreiras bem-sucedidas. Também através da observação psicológica de estudantes problemáticos e hiperactivos que se tornam adultos inseguros que entram no mercado de trabalho, acabando por se sentirem frustrados e pouco competitivos, sem saberem porquê, a autora explica que sucede muito mais nos homens do que nas mulheres, uma vez que a biologia é completamente diferente. Estes estudos podem lançar uma nova luz sobre a importante diferença entre homens e mulheres.

Clicar na imagem para comprar.

As Lágrimas de Eros
de Georges Bataille

SINOPSE
Em As Lágrimas de Eros, que ficou como seu último texto publicado em vida (1961), Bataille reafirma em mais extenso o que já estava lateralmente enunciado por textos anteriores. Uma frase de «La Signification de l’Érotisme» como que se fez pré-anúncio do programa dos seus capítulos: «Desde o berço até à morte, a sexualidade é base de uma agitação que o ingénuo pensamento comum, imbuído de idealismo, conhece mal» [ Da Introdução de Aníbal Fernandes ]

Clicar na imagem para comprar.

How To Make Love Like A Porn Star
de Jenna Jameson e Neil Strauss

SINOPSE
How to Make Love Like a Porn Star, o mega-best-seller de memórias e histórias de sobrevivência triunfantes, que passou mais de seis semanas na lista de bestsellers do New York Times e lançou o ícone do cinema adulto Jenna Jameson para o estrelato. Este inesquecível livro é muitas coisas ao mesmo tempo: uma história de vida sexual chocante; uma visão insider do funcionamento secreto da bilionária indústria de filmes adultos americana; e um thriller emocionante que investiga o passado sombrio de Jameson. Com fotografias nunca antes vistas da coleção particular de Jenna, fotos exclusivas tiradas para este livro e cartoons originais, este livro de memórias é uma exploração incomparável da liberdade sexual.

Clicar na imagem para comprar.

The Juliette Society
de Sasha Grey

SINOPSE

“Antes de irmos mais longe, quero esclarecer uma coisa.
Vou fazer-lhe três pedidos.
Primeiro: não se ofenda com o que ler daqui para a frente.
Segundo: ponha de lado as suas inibições.
Terceiro (e o mais importante): tudo o que lhe contar a partir daqui deve ficar entre nós…”

Catherine, uma jovem estudante de cinema que acaba de despertar para o erotismo, descobre a existência de um clube selecto e misterioso, no qual figuras poderosas exploram as suas fantasias sexuais, até as mais obscuras.
Estas novas experiências, que Catherine jamais sonhara concretizar, proporcionam-lhe momentos de intenso prazer… mas também podem tornar-se o seu pior pesadelo.
Sasha Grey dá-nos a conhecer uma sociedade secreta e elitista, onde o sexo não conhece limites.

Clicar na imagem para comprar.

Antologia de Poesia Erótica
de Bocage

SINOPSE
Elaborado a partir de diversas edições disponíveis da poesia de Bocage – entre as quais avulta a de Inocêncio Francisco da Silva, Poesias de Manuel Maria Barbosa du Bocage, de 1853 -, este livro destina-se à divulgação da sua escrita erótica e amorosa, não tendo, portanto, quaisquer veleidades de representar uma panorâmica de uma obra muito vasta, que ultrapassa o tema desta antologia.
O critério utilizado para a selecção dos poemas obedeceu ao desejo de incluir os que me parecessem mais significativos não apenas no domínio geralmente considerado como erótico ou mesmo pornográfico, mas também no campo amoroso em geral – já que o erotismo do autor se exprime igualmente através de facetas menos obscenas, ou seja, mais enquadráveis num lirismo tradicional, por vezes de conotações depressivas (por exemplo quando aborda o ciúme).

Clicar na imagem para comprar.

Valentina
de Guido Crepax

SINOPSE
Este volume recolhe uma selecção das melhores aventuras de Valentina. Clássicos intemporais, marcados pelo traço sensual de Crepax e pelo seu uso inovador da planificação, com destaque para “Baba Yaga”, história que seria adaptada ao cinema em 1973, e para “Valentina no Metro”, uma criativa e emotiva homenagem de Crepax à banda desenhada e aos seus heróis e criadores.

Clicar na imagem para comprar.

Memória das Minhas Putas Tristes
de Gabriel García Márquez

SINOPSE
“Memória das Minhas Putas Tristes” conta a história de um velho jornalista de noventa anos que deseja festejar a sua longa existência de prostitutas, livros e crónicas com uma noite de amor com uma jovem virgem. Inspirado no romance “A Casa das Belas Adormecidas” do Nobel japonês Yasunari Kawabata, o consagrado escritor colombiano submerge-nos, num texto pleno de metáforas, nos amores e desamores de um solitário e sonhador ancião que nunca se deitou com uma mulher sem lhe pagar e nunca imaginou que encontraria assim o verdadeiro amor. Rosa Cabarcas, a dona de um prostíbulo, conduzi-lo-á à adolescente com quem aprenderá que para o amor não há tempo nem idade e que um velho pode morrer de amor em vez de velhice. A escrita incomparável de Gabriel García Márquez num romance que é ao mesmo tempo uma reflexão sobre a velhice e a celebração das alegrias da paixão.

Clicar na imagem para comprar.

Justine
Ou os Infortúnios da Virtude
de Marquês de Sade

SINOPSE
Em Justine, o mais importante romance de Sade a virtuosa heroína é violada, molestada, aviltada, presa por falsas acusações e, por fim, maltratada por toda a sociedade.
Sade é um lutador rude e arranca brutalmente à maldade humana a sua máscara de hipocrisia.

Clicar na imagem para comprar.

Amor e Sexo no Tempo de Salazar
de Isabel Freire

SINOPSE
Nos anos 50, e sobre o olhar atento, conservador e católico de António de Oliveira Salazar, timoneiro de um Estado Novo repressor, o amor e o sexo eram temas tabus, a que se devia dar pouca importância. Prevalecia a moral e os bons costumes. Um mundo recheado de valores puritanos, de vexame, opressão, tirania e recalcamento, para todos os gostos e para ambos os sexos, mas sobretudo para o feminino. Durante esta década, os direitos das mulheres portuguesas foram abafados, circunscritos, diminuídos.

Clicar na imagem para comprar.

Lost Girls (Expanded Edition)
de Alan Moore; Ilustrações: Melinda Gebbie

SINOPSE
Lost Girls é uma graphic novel erótica que conta as aventuras sexuais de três importantes personagens femininas fictícias do final do século XIX e início do século XX: Alice, de Alice no País das Maravilhas; Dorothy Gale, de O Mágico de Oz; e Wendy Darling, de Peter Pan. Já adultas, encontram-se em 1913 num luxuoso hotel austríaco para descrever e partilhar entre si algumas das suas aventuras e descobertas eróticas. Recorrendo à rica herança da literatura erótica, Lost Girls, é a redescoberta do poder da escrita e arte extasiante numa sublime união que só seria possível em banda desenhada. Requintada, Lost Girls é uma obra surpreendente que desafia a imaginação. Escrita por Alan Moore e ilustrada pela sua esposa Melinda Gebbie.

Clicar na imagem para comprar.

Kama Sutra
de Vatsyayana

SINOPSE
O nome Kama Sutra tem origem na união dos termos kama, que significa desejo e amor, e sutra, um conjunto de ensinamentos vertidos sob a forma de aforismos.
A obra original teve como principais destinatários os nobres da Índia que levavam então uma vida de luxo e se dedicavam, com a sua leitura, à aquisição das mais diversas habilidades sexuais.
O Kama Sutra pertence à literatura religiosa indiana, pois, embora os seus ensinamentos conduzam ao prazer carnal, visam, em primeiro lugar, a elevação espiritual do homem.
É através do Kama Sutra que a Índia nos diz ser essencial o gozo pleno da vida, que nisso não se vê qualquer atentado às coisas sagradas e que daí só decorre a vantagem da libertação das criaturas dos medos e complexos que tanto entristecem e carregam de nuvens as suas vidas sobre a Terra.

Clicar na imagem para comprar.

Manual da Civilidade Destinado às Meninas para Uso nas Escolas
de Pierre Louys

SINOPSE
Escrita em 1919 esta obra teve sua primeira publicação em 1927 dois anos após a morte do autor. Trata-se de uma paródia dos rigorosos e moralistas manuais de educação e boas maneiras utilizados na Belle Époque. Esta obra é um contundente ataque desferido contra as regras vigentes do puritanismo burguês.

Clicar na imagem para comprar.

A Vénus das Peles
de Leopold Sacher – Masoch

SINOPSE
A narrativa erótica ‘A Vênus das peles’, traduzida por Saulo Krieger diretamente do alemão, escrita em 1870 por Sacher-Masoch, aborda a história do casal Severin e Wanda, num contrato que prevê explicitamente o papel de cada um, ele no de escravo e ela como tirana, além da exigência de que a fêmea deveria cobrir-se de peles ao açoitá-lo. O autor produziu essa e outras obras marcadas pela reflexão sobre o amor e os limites confusos que separam o senhor do escravo.

Clicar na imagem para comprar.

História d’O
de Pauline Reage

SINOPSE

A bela e jovem O testa os limites da sua mente e do seu corpo através de uma sexualidade violenta e inquieta neste romance clássico da literatura erótica. Enclausurada no castelo de Roissy, O submete-se a todos os desejos e fantasias do seu amante. A entrega, total, é-lhe escrita na pele, marcada na carne. Um processo de iniciação que vai levá-la mais longe do que alguma vez imaginou: ao lugar onde o prazer máximo pertence ao outro.

Considerado um dos mais polémicos romances do século XX, História d’O foi galardoado com o Prix des Deux Magots, em 1955.

Clicar na imagem para comprar.

Os Bons Velhos Tempos da Prostituição em Portugal
de Alfredo Amorim Pessoa

SINOPSE
Este livro não pretende de modo algum desenvolver um estudo exaustivo sobre a prostituição em Portugal, mas coloca uma pergunta inquietante: que diferença existe entre as relações sexuais dentro da prostituição e as relações sexuais convencionais?

Clicar na imagem para comprar.

O Perfume
História de um Assassino
de Patrick Süskind

SINOPSE
Esta estranha história passa-se no século XVIII e é fruto de um extraordinário trabalho de reconstituição histórica que consegue captar plenamente os ambientes da época tal como as mentalidades. O protagonista é um artesão especializado no ofício de perfumista, e essa arte constitui para ele – nascido no meio dos nauseabundos odores de um mercado de rua – uma alquímica busca do Absoluto. O perfume supremo será para ele uma forma de alcançar o Belo e, nessa demanda nada o detém, nem mesmo os crimes mais hediondos, que fazem dele um ser monstruoso aos nossos olhos. Jean-Baptiste Grenouille possui no entanto uma incorrupta pureza que exerce um forte fascínio sobre o leitor. O Perfume, publicado em 1985, de um autor então quase desconhecido, foi considerado um dos mais importantes romances da década e nunca mais deixou de ser reeditado desde então, totalizando os 4 milhões de exemplares vendi dos, só na Alemanha, e 15 milhões em países estrangeiros. Foi traduzido em 42 línguas. Este fenómeno transformou-o num dos mais importantes livros de culto de sempre. Em 2006, O Perfume passa a ser uma longa-metragem inspirada no romance de Patrick Süskind.

Clicar na imagem para comprar.

Trópico de Câncer
de Henry Miller

SINOPSE
Proibido durante cerca de 30 anos nos Estados Unidos e no Reino Unido, Trópico de Câncer foi publicado originalmente em 1934. Eleito um clássico de literatura erótica desconstruiu tabus e desmistificou convenções no seu pouco apologético caminho em busca do desejo. Muitas vezes considerado pornográfico e obsceno, Trópico de Câncer evidencia uma sexualidade despojada, longe de amarras e preconceitos, sendo auto-designado pelo escritor como «um insulto prolongado, um escarro no rosto da Arte». Não somente a Arte se pode ter sentido beliscada como a generalidade dos homens do seu tempo, presos às regras ditadas pela sociedade e que viam em Trópico de Câncer um desafiar dos valores impostos e aceites pela sociedade. A linguagem sem freio, os temas invariavelmente de cama e o retrato das personagens pouco ortodoxo, muitas vezes ridicularizadas por uma crítica contundente e sem moral, projectaram Miller como alguém à frente do seu tempo, porventura um pouco desajustado, facto esse que o levou a viver em Paris, ex-libris das capitais, que considerava um local onde se mesclam as cidades da Europa e da América Central, e onde o escritor vivia sem recursos ou dinheiro. Miller auto-designava-se um artista que se deixava conduzir à mercê das contrariedades e das alegrias da vida. A primeira impressão de Trópico de Câncer foi aliás financiada por Anaïs Nin, sua amante, que acreditava nos seus desígnios. Narrado na primeira pessoa, o livro relata ficticiamente as aventuras de Miller entre prostitutas, proxenetas, pintores sem dinheiro e escritores do submundo parisiense. Controverso e muito peculiar, Henry Miller ergue um hino ao mundo da sexualidade e da liberdade nas suas formas extremas e garante incondicionalmente um lugar no panteão dos maiores escritores mundiais do século XX.

Clicar na imagem para comprar.

Uma Espia na Casa do Amor
de Anaïs Nin

SINOPSE
Uma Espia na Casa do Amor é a história de Sabina, uma esposa adúltera, que se sente dividida entre o desejo de ser livre e a necessidade de amar e ser amada. Na sua jornada de descoberta de si mesma envolve-se com vários homens desconhecidos. Essas experiências são vistas por ela como uma missão em que o seu papel é a de uma “espia internacional na casa do amor”. Assim vive a sua vida dupla, enquanto o fiel e indolente marido representa o seu porto seguro no regresso a casa. Os seus disfarces, constituídos de roupas e maquilhagem, representam, na verdade, múltiplas personagens que compensam as suas carências nessa busca de salvação. No final será confrontada com a verdade nua e crua dos seus actos e culminará a sua demanda.

Clicar na imagem para comprar.

Uma História do Desejo Feminino
de Carol Dyhouse

SINOPSE
Desde os sonhos com príncipes encantados e com impetuosos heróis militares até ao poder de atração exercido por homens estranhos, misteriosos, ou por amantes vampiros; desde estrelas pop e rebeldes a homens em quem podemos confiar, bons companheiros e dedicados à família – a historiadora Carol Dyhouse serve-se do cinema, da literatura e do romance popular para mostrar como a mudança de posição das mulheres na sociedade (através da educação e da independência económica) alterou os seus sonhos e acabou por mudar o mundo. E reflete sobre a história das mulheres enquanto consumidoras influentes, sobre a natureza da fantasia e do desejo, levando-nos numa viagem pelo mundo do feminino e da imaginação sexual.

Clicar na imagem para comprar.

O Amor é Fodido
de Miguel Esteves Cardoso

SINOPSE
«O sobressalto começa no título. Mesmo o leitor menos experiente suspeita que, embora escritores de todos os tempos e lugares se tenham dedicado a tentar definir o amor, talvez seja improvável que alguém alguma vez tenha optado por terminar uma frase começada pela expressão «o amor é» com a palavra «fodido». O amor costuma ter, apesar de tudo, boa imprensa – o que, pensando bem, é incompreensível. Dizer que o amor é fodido é, finalmente, tratá-lo como ele merece. É resumir, para quem não quer perder tempo com eufemismos eruditos, a etimologia da palavra paixão.”
Do prefácio de Ricardo Araújo Pereira

Clicar na imagem para comprar.

Fantasias Eróticas: Segredos das mulheres portuguesas
de Isabel Freire

SINOPSE
Com coragem e sem vergonha, as mulheres portuguesas despem-se de preconceitos e revelam aqui as suas fantasias sexuais. Da sua relação com o corpo, com o desejo, à forma como sentem prazer. Contam as mil e uma noites da sua adolescência e idade adulta, recordam sonhos e fantasias, cópias da WB, receios e valentias, desaires e ilusões, embaraços e convicções. Sempre na primeira pessoa, sem receios de críticas e julgamentos. Para estas mulheres, o sexo é público ou privado, com um parceiro de longa data ou um simples desconhecido, a três ou por troca de parceiros, ao ar livre, na igreja, lésbico, dominante ou dominador, exibicionista ou voyeur.

Clicar na imagem para comprar.

Swing – Diário de Bordo
de SW-TEAM

SINOPSE
Tudo o que sempre quis saber sobre o desconhecido mundo do “swing”, contado por um casal sem tabus que optou pela bigamia sexual associada à monogamia social e emocional.
Qual o papel do ciúme? Quais os sentimentos do “swinger”? Quem toma a iniciativa? Como é que os “swingers” se conhecem e se encontram? Como é que são os clubes de “swing”? Para satisfazer a sua curiosidade, siga a evolução deste casal nos meandros de um mundo cheio de prazeres, onde o liberalismo sexual impera, derrotando os preconceitos comuns.
Esta obra é fundamental para todas as pessoas, por mais comuns que se sintam, casais “swingers”, solteiros aventureiros, indivíduos curiosos, tipos preconceituosos e leitores duvidosos. Ninguém vai ficar indiferente a este relato surpreendente.

Clicar na imagem para comprar.

O – A História Íntima do Orgasmo
de Jonathan Margolis

SINOPSE
Será o século XXI a idade de ouro do orgasmo? Segundo a OMS ocorrem mais de cem milhões de actos sexuais todos os dias no mundo. Neste livro extremamente divertido e informativo, o autor debruça-se sobre a experiência humana do sexo dando-nos um retrato vivo e profundo da busca sexual humana, da gratificação e da frustração! Nem esquivo nem demasiado escrupuloso, Margolis criou uma obra agradável e irresistível que garante inflamar muitas conversas ao serão.

Clicar na imagem para comprar.

Milhões de Pensamentos Perversos
de Sai Gaddam e Ogi Ogas

SINOPSE
Quando se fala de sexo, ninguém diz a verdade. Mas na privacidade da Internet, homens e mulheres revelam-se nos sites que procuram, nas fantasias que perseguem. Cientes disso, dois neurocientistas entraram no “quarto escuro” das pesquisas online, onde não há tabus e cada click é uma revelação. E descobriram impressionantes diferenças entre o desejo sexual masculino, feminino e homossexual.
Sabia que o cérebro masculino se assemelha a um caçador sôfrego – qualquer alvo é bom? E que as preferências sexuais do homem se formam na adolescência e raras vezes mudam? E que, no polo oposto, o cérebro feminino faz lembrar o de um detective, pois investiga cuidadosamente os candidatos? E que se podem tornar bi ou homossexuais facilmente? E sabia que os japoneses adoram coxas e os indianos barrigas? Saiba que homens e mulheres não estão sozinhos nas suas fantasias sexuais deliciosamente coloridas.

Clicar na imagem para comprar.

Ethical Slut: A Practical Guide To Polyamory, Open Relationships, And Other Freedoms In Sex And Love
de Dossie Easton e Janet W. Hardy

SINOPSE
The classic guide to love, sex, and intimacy beyond the limits of conventional monogamy has been fully updated to reflect today’s modern attitudes and the latest information on nontraditional relationships. “One of the most useful relationship books you could ever read, no matter what your lifestyle choices. It’s chock-full of great information about communication, jealousy, asking for what you want, and maintaining a relationship with integrity.”—Annie Sprinkle, PhD, sexologist and author of Dr. Sprinkle’s Spectacular Sex For 20 years The Ethical Slut—widely known as the “Poly Bible”—has dispelled myths and showed curious readers how to maintain a successful polyamorous lifestyle through open communication, emotional honesty, and safer sex practices. 

%d bloggers like this: